Poesia de Quinta | 08

Eu estou em um deserto preso,
Sem saída me mantendo por um fio,
Apenas desejando poder te encontrar.
Sem rumo começo a acreditar que sua imagem
Era apenas uma miragem, 
vinda para me assombrar.

Sem você estou em alto mar,

Abandonada,Sozinha, a espera.

Mas seu olhar mantém minhas forças para lutar,
Eu irei vencer por nós, eu estou indo pra casa.

Atravessarei os sete mares.
Eu estou perdida
Longe de nosso lar

Procurando o caminho para te encontrar,
Já não sei como cheguei tão longe.

Eu estou afundando.
Sem você não tenho motivos para voltar.
Eu estou perdida sem seus braços,

Sozinha, abandonada, a espera.

Quando você vai vir me salvar
O teu olhar e o que me mantêm de pé
Seus beijos são o meu ar
Eu estou em um deserto preso sem você.
A espera para te encontrar.

Abandonada
Perdida
Sozinha

Quando você vai vir me salvar?


Nenhum comentário:

Postar um comentário