Poesia de Quinta | 09


Talvez um dia você volte. 
Pode ser que nunca volte, 
e isso vai ser uma merda, mas você não pode continuar desse jeito. 
Com toda a culpa e o desprezo por si própria e toda essa besteira. 
Não posso ficar calado assistindo. 

Isso me faz odiá-la por odiar a si mesma. 
Não quero perdê-la.
Mas prefiro que isso aconteça, 
se significar que você vai estar mais feliz
assim. 

Acho que, se você for para casa comigo hoje, nunca vai ficar bem. 
E nunca vou ficar bem se você não estiver bem também. 
Preciso saber que existe uma forma de pessoas como nós terminarem bem.
 Preciso saber ao menos que existe esse negócio de “ficar bem”, 
ou talvez não só bem, mas até feliz, e que isso tem jeito.

 A gente só não sabe ainda qual é. 
Tem que existir um final mais feliz do que este.
 Tem que haver uma história melhor.
Porque a gente merece. 
Você merece.
Mesmo que não termine com você
voltando para mim no final.


Nenhum comentário:

Postar um comentário