Dica de Filme: Lição de Amor

Lição de Amor é o primeiro livro do autor Federico Moccia a ganhar os cinemas.


Lição de Amor, Federico Moccia, Uma Garota Chamada Sam
Sinopse: Nikki (Michela Quattrociocche) tem 18 anos e divide seu tempo entre os estudos no último ano do ensino médio e a ida em festas e clubes, juntamente com os amigos. Alex (Raoul Bova) tem 37 anos e uma carreira de sucesso como publicitário. Abandonado pela mulher que considerava ser seu "eterno amor", a vida social de Alex agora se restringe aos antigos amigos. Um dia a vida deles se cruzam, quando acidentalmente Nikki bate sua moto no carro de Alex.

Lição de Amor  e o  filme é inspirado no livro do meu autor favorito Federico Moccia chamado "Desculpa se te chamo de amor" que acabou chegando aqui no Brasil com o título ridículo de "Lição de Amor".  Que na minha opinião deveriam ter mantido o nome original do livro, já que poucas pessoas associam este nome ao livro, se não fosse o fato da direção do filme ter sido feita pelo Federico Moccia. Um fato diferente já que geralmente os escritores apenas opinião nas adaptações, neste caso Moccia fez ambos os lados, como diretor dirigindo e com roteirista adaptando.

Quando assisti ao filme pela primeira vez Lição de Amor, eu já tinha lido o livro bem antes, e quis conferir o longa, e confesso que amei ambos, sou um pouco crítica quando certos livros viram filmes pois alguns fogem da historia do livro. Mas posso dizer que este filme realmente e interessante porque é o próprio autor do livro que dirige, então não houve uma grande diferença, óbvio que há alguns aspectos diferentes do livro, mas no fim e necessário já que o livro tem 400 páginas e o filme 82 minutos.

Ainda sim quem já leu o livro consegue notar que ele foi bastante fiel o quando pode ao livro, tanto os diálogos quanto as cenas, notasse as semelhanças com o livro.

Lição de Amor, Federico Moccia, Uma Garota Chamada Sam

Enfim o filme é muito bonito, com uma romance incrível  e com dois protagonistas com uma boa química em cena. O livro "Desculpa se te chamo de amor" tem continuação em "Desculpa, quero me casar contigo" que também virou filme... Mas isso é conteúdo para outra resenha.
Uma Dica: Leia o livro antes de ver este filme, pois ambos tem tantas semelhanças que tira a graça do livro se quiser lê-lo depois.

Nenhum comentário:

Postar um comentário