Poesia de Quinta


Eu nunca precisei de você como preciso agora
Mas é muito fácil fechar os olhos e ir embora.
Eu desisti de você 40 vezes
E 40 vezes mais eu volte para você.

Eu ouvi aqueles lábios contarem 40 mentiras
E 40 vezes mais, eu me deixe acreditar.

E tão fácil quando se está cega. E muito mais...
Quando você precisa de alguém e ela vai embora.

Estou presa a está falsa promessa
Mas é muito fácil esquecer
As mentiras te fazem mais forte
Quando elas se tornam a sua verdade.

É muito fácil fechar os olhos e ir embora.
E tão fácil quando se está cega. E muito mais...
Quando as mentiras se tornam seu veneno.

E muito fácil... Desistir.
Conte-me uma nova mentira... amor!

Faça-me acreditar...
Conte 40 vezes mais. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário