TOC Transtornada Obsessiva Compulsiva - Critica

tata werneck, toc, criticaO filme TOC Obsessiva Compulsiva é o primeiro longa protagonizado pela atriz Tata Werneck e o que dizer... Não me agradou muito.

Sinopse: Kika K (Tatá Werneck) é uma atriz que está em novelas, campanhas publicitárias e é idolatrada por milhões de fãs. Mas por trás das aparências, está em crise com sua vida pessoal e profissional, enquanto precisa lidar com as limitações de seu Transtorno Obsessivo Compulsivo. Kika se depara com Felipão, um fã obsessivo (Luis Lobianco), um namorado galã sem noção (Bruno Gagliasso) e os compromissos profissionais marcados pela exigente empresária (Vera Holtz).

O filme TOC transtornada obsessiva compulsiva é uma comedia brasileira protagonizada pela atriz Tatá Werneck que está em uma produção que para alguns críticos e a sua melhor performance desde época da MTV, porém para mim acabou sendo mais uma “comedia” brasileira sem graça, que apesar de mostrar um lado interessante da vida de uma pessoa na mídia mostrando de certa forma uma critica, a forma como os atores/atrizes são transpassados, e de como as coisas são realmente quando câmeras e luzes não estão sobre você, e algo interessante, e poderia ter sido melhor trabalhado no filme, pois trouxe um contexto mais pessoal da Tatá WerneckOutro lado que o filme aborda e em cima dos atores comediante que fazem comedia o tempo todo, e que ganha o esteriótipo que eles são felizes o tempo inteiro. E TOC mostra em vários momentos que não. Porém, este filme mostrou tudo de um jeito, estranho, com atuações medianas por parte do elenco secundário, e que com certeza Tatá Werneck brilha absoluta nesta produção. Mas ainda sim, esperava mais e algo não tão bobo, está e a palavra que me vem a mente.

tata werneck, toc, critica

Sinceramente e uma produção que assisti uma vez, e não assistiria novamente, pois não curti, e não gostei do contexto do filme e nem do final, embora a proposta do filme seja boa, para mim, acabou tornando se um filme que não assistiria novamente MESMO. Desculpe quem gostou do filme, que entendeu a mensagem passada nele, mas no meu caso não gostei, achei a atuação do Bruno Gagliasso péssima no filme, a Vera Hortz que é uma atriz brilhante está com um papel ridículo. Enfim, se pudesse dar uma nota a essa produção seria 4.

Nenhum comentário:

Postar um comentário